O que comprar de roupas, acessórios e materiais para o bebê?

Uma dúvida que cerca as grávidas que serão mães pela primeira vez é o que o bebê vai precisar quando nascer. Qual a quantidade de roupinhas e apetrechos necessários? O que não se deve esquecer?
_MG_2253
Vamos começar partindo do princípio de que os bebês crescem muito rápido e, portanto, não é preciso comprar muitas roupinhas dos tamanhos menores, até porque há um risco muito alto de que sobrem roupas sem serem utilizadas.
O ideal é comprar mais roupinhas dos tamanhos M e G e a metade dessa quantidade de roupas RN e P.

Bebês recém-nascidos precisam de roupas leves, sem muitos detalhes, macias e fáceis de trocar. Precisam ainda de coeiros, fraldas de pano, lençóis, fronhas, travesseiros, mantas e cobertores.
Lojas especializadas em roupas e produtos para bebês fornecem panfletos e folders com dicas do que comprar. Na dúvida, converse com outras mães ou procure na Internet.

Vale observar em qual estação do ano a criança vai nascer. Se for no inverno, abuse das roupinhas de frio. Se for no verão, logicamente não será preciso comprar muita coisa quente.
Lembre-se de comprar meias de tamanhos variados, toucas de tecidos leves, toalha de banho feita para bebês, bodys e macacões.
Não se esqueça de comprar algodão, gase e hastes flexíveis para limpar o umbigo, nariz e orelhas. Você vai precisar de um termômetro para medir a temperatura da criança e outro para calcular a temperatura da água. Compre também sabonetes neutros e shampoos para bebês.

Outra coisa que não podemos esquecer são os brinquedinhos, móbiles e mordedores. Atualmente tem muita coisa bacana que estimula a criança e ajuda a distraí-las quando necessário.